Notícias

 

SAD

Serviço de Apoio ao Domícilio

Apesar de todos os esforços realizados pela Instituição, a fim de se integrarem os Idosos nos Lares, muitas das vezes nota-se por parte destes alguma resistência à sua integração.

 

Assim sendo, encontrou-se então uma forma de os manter nas suas próprias Residências, contribuindo para a autonomia destes. Desta forma, o Apoio que é feito no lar, desloca-se também para o Domicílio.

 

Assim, é-lhes permitindo continuar a sua vida normal, mais próximo da sua comunidade, visto que os idosos preferem ficar nas suas próprias Residências. Este Apoio, é importante para aquelas famílias que não têm tempo nem possibilidade para tratar dos idosos e não querem que estes sejam institucionalizados.

 

Este serviço tem como principal objectivo a satisfação das necessidades básicas dos seus utentes, garantindo a manutenção dos mesmos no seu ambiente. Esta acção, exige a implicação da família, a qual tentamos envolver o mais possível, o que é importante  para manter os laços afectivos, e da vizinhança,  como complemento aos serviços da Misericórdia.

 

Desta forma, o Apoio Domiciliário apresenta como objectivos:

 

  • Auxiliar algumas dificuldades do idoso ainda capaz, nomeadamente no que respeita ás tarefas domésticas e de saúde;
  • Manter o idoso na sua residência, dentro da sua comunidade e
  • Prolongar autonomia, independência, capacidades e competências.

 

Consulte aqui o Regulamento Interno Apoio Domiciliário

 

 

Documentos necessários à Admissão de utentes:

 

  • Declaração sobre o compromisso de honra, de que não possui doenças infecto-contagiosas, doença mental e alcoólica;
  • Bilhete de Identidade
  • Cartão de contribuinte
  • Cartão de Beneficiário
  • NISS
  • Cartão de Utente
  • Vale da Reforma
  • Fotocópia do Recibo de Despesas com medicamentos
  • Fotocópia de Outras Despesas – renda, etc.
  • Fotocópia de Recibos de Outros Rendimentos.