Notícias

 

 

 

 

 


RNCCI - Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados

A Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados (RNCCI) é um modelo organizacional criado pelos Ministérios da Saúde e do Trabalho e da Solidariedade Social, é formado por um conjunto de Instituições públicas e privadas, que prestam cuidados continuados de saúde e de apoio social, promovendo a autonomia e melhorando a funcionalidade da pessoa em situação de dependência, através de um processo activo e contínuo de reabilitação, readaptação e reinserção familiar e social é a Missão desta Unidade de Cuidados Continuados Integrados (UCCI).

A finalidade da RNCCI é promover a continuidade de cuidados de forma integrada a indivíduos em situação de dependência e com perda de autonomia.

A sua recuperação é, portanto, a razão da existência da UCCI da Santa Casa da Misericórdia de Lousada.

Assim, tudo faremos para que se restabeleça rapidamente.

A prestação de Cuidados Continuados Integrados (CCI) é assegurada por diversas Unidades:

  • Unidade de Convalescença – 30 dias;
  • Unidade de Média Duração e Reabilitação – 90 dias;
  • Unidade de Longa Duração e Manutenção – superior a 90 dias;
  • Unidade de Paliativos;
  • Unidades de Ambulatório (Unidades de Dia e de Promoção da Autonomia;
  • Equipas Domiciliárias (constituídas por equipas de Cuidados Continuados Integrados e Equipa Comunitária de suporte em Cuidados Paliativos).

A UCCI de Lousada é constituida por 30 camas de Média Duração e Reabilitação

A equipa prestadora de UCCI de Lousada é  constituída por:

  • Diretor de Serviço (Dra. Emilia Silva);
  • Médica Fisiatra (Dra. Isabel Vilela);
  • Enfermeiros (Enf. chefe: Fátima Teresa Moura);
  • Assistente Social (Dra. Claudia Pereira);
  • Terapeutas (vários);
  • Psicólogo (Dr. Luis Neto);
  • Pessoal Auxiliar (vários).

A referenciação para a RNCCI pode ser feita através de:

 

  • EGA (Equipa de Gestão de Altas), se estiver num Hospital do Serviço Nacional de Saúde (SNS);
  • Centro de Saúde de residência, no caso do doente se encontrar no domicílio, lar ou outra Instituição, através do a (com o médico de família, enfermeiro ou assistente social).

 

Consulte aqui o Guia de Acolhimento do Utente